Pin It button on image hover

O Blog do Bega

Sobral, onde a luz fez a curva.

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Quanto tempo dorme um gênio


     Sabe aquele mito de que gênios e outros luminares da sabedoria dormem pouco ou quase nada?
     Pois ele é só isso, um mito. O livro “Os segredos dos grandes artistas“, de Mason Currey, lançado no ano passado nos EUA, desmistifica a ideia do artista que se levanta muito antes do sol nascer após uma noite de sono mínima.
     Claro, existem aqueles que se encaixam nesse perfil.



Mozart costumava dormir apenas cinco horas, entre uma e seis da manhã.



Balzac levantava à uma hora, mas dormia às dezoito e ainda tirava uma soneca de uma hora e meia durante o dia.



Einstein dizia precisar de nove horas para se sentir inteiro e capaz de produzir algo.

     O diagrama abaixo mostra como é o horário de descanso de algumas dessas mentes brilhantes e produtivas (clique para aumentar):


     A maioria, no entanto, tem horários que nós consideraríamos normais, com as boas e velhas oito horas de sono. Pra você que está sempre com sono e se sente mal com isso, fica pelo menos a noção de que está trilhando o mesmo caminho dos gênios do passado. Reconfortante, não?

Fonte: likeanerd
Postar um comentário