Pin It button on image hover

O Blog do Bega

Sobral, onde a luz fez a curva.

sábado, 30 de novembro de 2013

Sobral ontem e hoje


As canoas do Rio Acaraú


De onde vem seu cãozinho de estimação?


     Em maio desse ano, um grupo de cientistas publicou que a origem dos cachorros se deu na Ásia Oriental. Mas, recentemente, outros pesquisadores começaram a discordar. Eles acreditam que os cães evoluíram dos lobos na Europa. Essa última hipótese é sustentada pelo fato de que o fóssil mais antigo dos cachorros primitivos foi encontrado no continente.
     Muitos estudos estão sendo feitos com DNA de cães e lobos atuais e comparados com o material encontrado em fósseis. O intuito é descobrir exatamente quando a evolução do lobo se tornou uma espécie domesticável. É uma tarefa um pouco difícil, pois um grande diferencial entre cachorros e lobos é o comportamento, algo que não pode ser analisado diretamente de esqueletos antigos.
     O New York Times entrevistou pesquisadores da área e publicou uma matéria com mais detalhes e informações, para os realmente interessados e intrigados com o mistério!

China tem o computador mais rápido do mundo


     O supercomputador chinês Tihane-2 ainda encabeça a lista de computadores mais potentes do mundo.
     A lista dos Top 500 foi lançada na semana passada, e o Tihane-2, desenvolvido na Universidade de Tecnologia de Defesa Nacional da China, foi o mais rápido, atingindo velocidades de 33,86 petaflop/s (quadrilhões de cálculos em ponto flutuante por segundo) no Linpack Benchmark.
     Recentemente ele ultrapassou o atual segundo colocado, o Titan, localizado nos Estados Unidos, no ranking divulgado em junho passado.
     Dessa vez o Titan atingiu 17,59 Pflop/s. O terceiro colocado perdeu por uma cabeça, com 17,17.
      Mesmo com a liderança chinesa, os Estados Unidos ainda lideram o ranking no número de supercomputadores, com 265 dos top 500. A China, no entanto, superou o Japão e é atualmente a segunda colocada.

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Atenção, Carecas! Sony patenteia peruca smart


     A Sony entrou com o pedido de registro de uma SmartWig. Isso mesmo, uma peruca inteligente.
      Segundo o documento, o acessório pode ser feito de cabelo humano, pelos de cavalo, fibras sintéticas e outros materiais (como uma peruca comum) e tem uma placa embutida para se comunicar com outros dispositivos eletrônicos.
     A função da peruca é dar resposta tátil ao usuário – por exemplo, vibrando ao receber uma notificação (!) – , mas há outras possibilidades. Por exemplo, o chip pode ter GPS e o device vibrar em diferentes regiões para orientação, câmera para tirar fotos dos arredores e um laser (!!) para fazer apresentações ou controlar o computador remotamente.
     Ela também pode utilizar movimentos do rosto, como o levantar de sobrancelhas, para exercer algumas funções, ou até aproveitar os impulsos cerebrais para desempenhar outras. Mais uma possibilidade é monitorar sinais vitais e as condições do ambiente, como temperatura e umidade.
     O motivo da escolha de uma peruca é a delicadeza dos componentes eletrônicos já que, instintivamente, as pessoas costumam proteger mais suas cabeças que o resto do corpo. Além disso, elas têm um apelo mais natural que um chapéu.


Sei não, mas... sei lá


Apple pretende lançar novos produtos em 2014


     Rumores circulavam sugerindo que a Apple estaria trabalhando no desenvolvimento de produtos de novas categorias, como televisões e smartwatches. Durante uma conferência sobre os resultados do quarto trimestre da empresa, Tim Cook confirmou os planos de lançar produtos de novas categorias em 2014.
     Segundo Cook, a Apple acredita que é possível utilizar suas habilidades de desenvolvimento de software e hardware para criar produtos de segmentos que a empresa ainda não atua. “Estamos muito confiantes”, afirma o executivo. Durante o evento, o CEO da empresa ainda revelou que eletrônicos portáteis e televisões são possíveis opções.
     Uma série de boatos vinha se espalhando sobre a possibilidade da Apple estar trabalhando em um relógio inteligente. Conhecido como iWatch, o dispositivo iria concorrer com outras empresas como Nike, Samsung e Jawbone. A chegada de uma televisão da empresa também foi cogitada. Com esse anúncio de Tim Cook, as chances de vermos esses produtos ficam cada vez maiores.

Idílicas paisagens oceânicas fotografadas por Andrew Smith


     Smith fotografa principalmente em localidades ao redor de sua casa na Nova Zelândia, onde ele capta paisagens de tirar o fôlego à beira do oceano, tanto dentro como fora de água. Smith fotografa quase exclusivamente com uma Nikon D800 e processa suas imagens em Adobe Lightroom, algo que ele documenta em detalhes sobre o seu antes e depois no seu Lightroom Blog . Estas são algumas das minhas fotos favoritas do ano passado, mas você pode ver centenas de fotos adicionais por Smith no Flickr .








quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Anéis que transformam língua de sinais em palavras


     Chamados Sign Language Ring, os anéis podem transformar a língua de sinais em palavras faladas, para que deficientes auditivos possam conversar mais facilmente com pessoas que não são fluentes no idioma gestual. O projeto surgiu na Asia University, idealizado por seis designers.
     São três anéis para cada mão que enviam sinais para uma pulseira que converte as informações em uma voz eletrônica. O processo inverso também ocorre: o bracelete é capaz de traduzir voz em texto. Os usuários podem ainda gravar novos movimentos, dessa forma adaptando a linguagem à de seu cotidiano. No entanto, o projeto está disponível apenas em inglês.
     O projeto ganhou um prêmio da Red Dot de melhor design de conceito para 2014 nesta semana. Entretanto, ainda não há previsão de lançamento.

Charme em Preto & Branco









Nova York registra grande número de roubos de iPhone


     Você está andando na rua, conferindo sua agenda de compromissos em seu novo iPhone e pronto, lá vem um assaltante e leva seu aparelho embora. Por mais que isso pareça com as ruas de São Paulo, esse quadro é muito comum em Nova York.
     A policia da cidade registrou que cerca de 14% dos crimes envolve o roubo de aparelhos da Apple. Segundo reportagem do canal de televisão Fox 5, cerca de 16 mil aparelhos foram levados de seus donos em 2012.
     Para os policiais, esse tipo de assalto não é feito de forma aleatória. A ideia é que uma grande rede de revenda é formada já que os smartphones, principalmente os iPhones, têm um grande poder de negociação.
     Para diminuir esse número de roubos, as autoridades pedem para revendedores manterem registros eletrônicos de cada aparelho vendido, o que vem causando muita polêmica, pois estaria, segundo esses comerciantes, supondo que todos os clientes são ladrões.

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Durma tranquilo enquanto viaja


     Qualquer usuário de transporte público, em qualquer lugar do mundo, já dormiu durante seu trajeto até chegar ao destino. Pensando nisso, uma empresa americana fez a invenção perfeita para tal ocasião.
     O "UpRight Sleeper" é uma espécie de suporte para a cabeça que retém o movimento do pescoço, fazendo com que o viajante não machuque a cabeça. "Sabemos que isso pode fazer você parecer ridículo, mas com certeza é melhor do que uma pessoa dormindo com a boca aberta, babando, com a cabeça balançando".
     Além do suporte normal, há o suporte com uma malha de cetim, para melhorar o sono. O aparato custa em torno de R$ 81,00. Já o preço com a bolsa para levá-lo é de cerca de R$ 95,00.

Por que elas devem ter câmera









Moto G – Um smartphone bom e barato


     Na semana passada, a Motorola realizou um evento em São Paulo para revelar ao mundo mais um smartphone da era Google. O Moto G não impressiona por ter um processador poderoso, uma tela com definição absurdamente alta ou funcionalidades inovadoras, mas chamou a atenção por um fator muito importante: o preço.
     Lançado no Brasil com preço sugerido de 649 reais, o Moto G promete ser um smartphone acessível sem comprometer a experiência de uso. Com processador quad-core de 1,2 GHz, tela de 4,5 polegadas com resolução de 1280×720 pixels, 1 GB de RAM e um Android livre de inutilidades, ele se posiciona como uma boa opção para quem não quer gastar muito.

terça-feira, 26 de novembro de 2013

Cowboys cibernéticos


      Cowboys famosos como os do cinema podem estar com seus dias contados nas fazendas de verdade. Isso porque uma equipe da Universidade de Sidney, na Austrália, está criando seu substituto robótico.
     O robô começou a ser testado neste início de mês e vem mostrando alguns bons resultados no pastoreio de gado leiteiro. A grande vantagem é que o autômato não assusta as vacas sendo em grupos de 20 ou de 150 animais.
     Outras utilizações futuras serão usadas para recolher os dados durante a noite no monitoramento de vacas prenhes, para detectar buracos em cercas e até mesmo problemas no solo.
     Porém essa novidade ainda deve demorar um pouco para aparecer nas fazendas do mundo. Além de o aparelho ser caro no momento (estimativa de custar US$ 1 milhão), apenas daqui a dois anos é que o projeto deverá se tornar um produto para venda.


Rabiscadas









Conheça o Slingbox, o equipamento que distribui o sinal da sua TV pela internet


     A Sling Media convidou a imprensa brasileira na semana passada para o lançamento do Slingbox 350, um simpático equipamento que permite assistir a canais abertos e pagos em qualquer lugar, tanto no computador quanto em dispositivos móveis.
     O Slingbox 350 se conecta a uma fonte de vídeo, como a TV ou o decodificador da TV por assinatura, através das conexões de vídeo componente. Então ele pega a imagem, codifica tudo em MPEG4 e usa a conexão à internet do seu roteador para fazer streaming em tempo real com resolução de até 1080p.
     Para assistir à TV em outro lugar, use o SlingPlayer, que está disponível na web e também possui aplicativos para Android, iOS e Windows Phone. Dessa forma, você pode ver seu programa favorito mesmo quando não estiver em casa: basta ter uma conexão 3G, 4G ou Wi-Fi por perto, além de um smartphone, tablet, PC ou Mac.
     Por meio do SlingPlayer, é possível pausar a transmissão, voltar alguns minutos ou até mesmo trocar de canal (há um cabo incluso que emite sinal infravermelho, como seu controle remoto). A parte chata é que os aplicativos custam US$ 14,99. Pior: se você quiser instalar o SlingPlayer no iPhone e no iPad, terá que pagar o dobro, já que o aplicativo não é universal.
     A qualidade da imagem depende da velocidade da sua conexão e do upload do roteador que o Slingbox estiver conectado. Nos novos dispositivos, a Sling Media cita como requisito mínimo as velocidades de 2 Mb/s para transmissão em HD, 600 kb/s para SD e 250 kb/s para dispositivos móveis.

     O Slingbox 350 foi lançado nos EUA em outubro de 2012 por 179,99 dólares. No Brasil, primeiro país da América do Sul a receber o dispositivo, ele está sendo vendido no site oficial pelo preço de 799 reais. O Slingbox 500, que possui entrada e saída HDMI, Wi-Fi e controle remoto, inicialmente não será vendido no país.