Pin It button on image hover

O Blog do Bega

Sobral, onde a luz fez a curva.

terça-feira, 31 de julho de 2012

Hummm! O velho truque do telefone no sapato.


      
     Get Smart (Olho Vivo em Portugal e Agente 86 no Brasil) é o nome de um conhecido seriado de televisão dos Estados Unidos. Consagrou-se como um dos grandes sucessos da televisão mundial na década de 1960, gerando continuações e vencendo muitos prêmios.
     O herói se chamava Maxwell "Max" Smart e, interpretado por Don Adams, atuava para uma organização secreta chamada C.O.N.T.R.O.L.E. Esta possuía como missão combater a organização criminosa K.A.O.S., que durante um período foi comandada por um agente nazista de sotaque alemão – era o vilão Siegfried, interpretado por Bernie Kopell.
     Smart possuía como código o número 86 e era auxiliado por uma bela agente cujo número era 99. Costuma-se dizer que era a agente 99 quem resolvia tudo e Smart ficava com os créditos (embora essa versão seja um pouco exagerada, na realidade o agente 86 resolvia tudo, mas do seu jeito atrapalhado).
     Tudo deu início com o sucesso dos filmes de James Bond na década de 1960. Os produtores Leonard Stern e Dan Melnick, associados a Mel Brooks e Buck Henry, idealizaram uma série de TV cômica com os mesmos temas, espionagem e Guerra Fria.
     Don Adams foi escolhido graças à sua atuação no The Bill Dana Show, no qual fazia um atrapalhado detetive de hotel. Ele se engajou tanto no papel que chegou a sofrer acidentes devido às cenas de ação. Em compensação, ganhou muitos prêmios como ator de comédia. Adams nasceu em 13 de abril de 1923 e faleceu em 25 de setembro de 2005, vítima de pneumonia.
     O episódio-piloto foi rodado em preto e branco. A história começa exatamente como os demais episódios, com o Agente 86 indo para o escritório secreto, atravessando várias portas. Ali também aparecem o sapato-fone e o cone-do-silêncio. Na missão contra o vilão Senhor Big (um anão), ele recebe ordens do Chefe e é ajudado pelos Agentes Canino, 99 (que ele não conhecia) e 34 (escondido em um armário).Ele ficou muito feliz quando descobriu que seria um agente de campo,ou melhor um agente de missões pois antes ele era apenas um agente que trabalhava no prédio do CONTROLE.
     Apesar de já contar com todos esses ingredientes cômicos que se tornariam famosos, os executivos de produção da Rede ABC recusaram-se a comprar a série, pois, na trama apresentada, a intenção dos vilões era explodir a Estátua da Liberdade.
     Os criadores de Smart não se deram por vencidos e foram bater na porta da Rede NBC, que aprovou o projeto e concedeu autorização para iniciar a produção da série, agora totalmente em cores.
 Fonte: Wikipedia

As Cores da Natureza Subaquática










Apagando velinhas


     Quem está apagando velinhas hoje é o amigo e companheiro de música e cerveja, Djalma Gomes. O abraço dos amigos que gozam da convivência desta incrível figura. Que tenha muita paciência para suportar os amigos super normais que ele tem.

The Floaters - Float on


     Década de 70, The Floaters, Float on. Bom dia.

Por que elas devem ter câmeras








O futuro da interação com os eletrônicos




     Vamos falar de uma tecnologia que começou a ser explorada comercialmente há uns seis anos, em consoles de videogame, mas que tem muito ainda para evoluir e muitos dispositivos onde pode ser aplicada: o reconhecimento de gestos. Especificamente, o reconhecimento de gestos baseados na “visão” – que, segundo o instituto de pesquisas ABI Research, estará presente em 600 milhões de smartphones dentro de cinco anos.
     E isso muda tudo. Porque os gestos são tão intrínsecos em nossa comunicação que se torna virtualmente impossível não usá-los em uma conversação. E nem estamos falando dos italianos, que “falam” com as mãos – hábito muito bem integrado em nossa sociedade, inclusive.
     Antes de qualquer coisa, é necessário saber que o reconhecimento de gestos é uma aplicação da área de Visão Computacional – um conjunto de processamento de imagens utilizado para fazer com que uma máquina “entenda” um gesto capturado por uma webcam ou um equivalente.
     “Essa tecnologia é o futuro, particularmente no mercado de smartphones, tablets e tocadores portáteis de mídia. Como eles já estão muito bem inseridos em nossa vida cotidiana, ter uma nova opção de interface de comunicação é algo muito bem-vindo”, acredita Josh Flood, analista sênior da ABI.
     Hoje, a tecnologia de reconhecimento de gestos por meio de um complemento à máquina que nos “enxergue” (por isso as webcams) ainda não é muito explorada. Alguns consoles oferecem sensores visuais aliados a outros sensores e sistemas de mapeamento. E algumas TVs com webcams começam a pipocar no mercado justamente oferecendo essa funcionalidade. Mas ainda existem alguns bons desafios para sua evolução em dispositivos móveis.
     Um deles é o funcionamento em condições adversas de iluminação. Outro, do movimento ao redor – quando você usa a webcam andando, por exemplo, e como ela deve lidar com o cenário por trás de você. O terceiro dilema é o consumo de energia, como vocês devem imaginar.
     Fabricantes de processadores estão trabalhando para resolver essas questões com novas tecnologias, encabeçadas pela Qualcomm, parceira da Lenovo para dispositivos móveis. A Intel, que também é parceira da Lenovo, também defende que o desenvolvimento de soluções de reconhecimento de gestos e voz ocupará boa parte de suas atividades a partir do ano que vem.
     O uso da tecnologia tende a ser bastante natural para nós, principalmente entre aqueles que estão acostumados já a realizar videochamadas nos telefones e brincar com videogames de última geração. A ideia é essa mesma: fazer com que esses dispositivos se tornem uma extensão do nosso corpo.

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Tank e Jenny – Uma dupla dinâmica




     Se para você, telefone celular é para fazer ligações apenas, ou ouvir uma música de vez em quando e, no máximo, tirar uma fotografia de algum momento específico, esses dois foram feitos para você!
     A partir da segunda quinzena de agosto, começam a ser comercializados em território brasileiro os celulares Tank e Jenny, através de parceria entre as empresas Allied, do Brasil, e BLU Products, dos Estados Unidos. Os aparelhos tem preço final sugerido abaixo dos R$ 130,00 e apresentam recursos como dual chip, câmera VGA que também grava vídeo, bluetooth, antena FM, MP3/MP4 player, slot para cartão micro SD de até 8GB, e tela de 1,8 polegadas.
      O modelo Tank oferece uma bateria de longuíssima duração, que pode se manter até 30 dias sem necessidade de recarga. terá preço final sugerido de R$ 129,00, e estará disponível nas cores branco/pink e preto/vermelho.
     Já o Jenny, tem bateria que dura cerca de uma semana sem precisar recarregar, entretanto oferece um dos preços mais competitivos do mercado em sua categoria, com custo final sugerido de R$119,00. Virá nas cores preto/vermelho.
     Celulares simples e usuais, sem frescuras nem muitas funções para gastar a bateria. Perfeito para pessoas objetivas e que prezam pela comunicação à moda antiga. E cá entre nós, 30 dias de bateria é realmente surpreendente!


Eu sabia que eles existiam





Ray, Goodman & Brown - Special Lady - 1980


     Recordando os anos 80, Ray, Goodman & Brown , Special Lady. Boa semana para todos.

Aquecimento super sexy

    

      A australiana Michelle Jenneke virou sensação na internet por causa de sua forma peculiar de se aquecer para as provas de atletismo. Aos 19 anos, ela mostrou muita sensualidade no Campeonato Mundial de Juniores, realizado em Barcelona.
     A dancinha fez um sucesso danado. Vejam:



 

As "pérolas" do ENEM 2011 - Parte 2



    "A Previdência Social assegura o direito a enfermidade coletiva". (hehe. Esse é espirituoso...)
     "Respiração anaeróbica é a respiração sem ar, que não deve passar de 3 minutos". (Senão a anta morre.)
     “Ateísmo é uma religião anônima praticada escondido. Na época de Nero, os romanos ateus reuniam-se para rezar nas catatumbas cristãs". (E alguns ainda vivem nas "catatumbas".)
     "Os egipícios dezenvolveram a arte das múmias para os mortos poderem viver mais". (Precisa "dezenvolver" o cérebro. Será que egipício é para rimar com estrupício?)
     "O nervo ótico transmite idéias luminosas para o cérebro". (Esse aí não deve ter o tal nervo, ou seu cérebro não seria tão obscuro.)
     "A Geografia Humana estuda o homem em que vivemos". (I will survive.)
   "O nordeste é pouco aguado pela chuva das inundações frequentes". (Verdade: de São Paulo até o Nordeste, falta construir aquadutos para levar as inundações.)
     "Os Estados Unidos tem mais de 100.000 Km de estradas de ferro asfaltadas". (Juro que eu não li isso.)
     "As estrelas servem para esclarecer a noite e não existem estrelas de dia porque o calor do sol queimaria  elas". (Hum... Desconfio que vai ser poeta!)
     "Republica do Minicana e Aiti são países da ilha  América Central". (Procura-se urgente um Atlas Geográfico que venha com um Aurélio junto.)
As autoridades estão preocupadas com a ploleferação da pornofonografia na Internet". (Deve estar falando do CD dos Raimundos.)
    "A ciência progrediu tanto que inventou ciclones como a ovelha Dolly". (Teve a ovelha Katrina, também. Só que ela era meio violenta...)
     "O Papa veio instalar o Vaticano em Vitória mas a Marinha não deixou para construir a Capitania dos Portos no mesmo lugar". (Foi quando ele veio no papamóvel, lembra?)
     "Hormônios são células sexuais dos homens masculinos". (Isso. E nos homens femininos, essas células chamam-se frescurormônios.)
     "Os primeiros emegrantes no ES construiram suas casas de talba". (Enquanto praticavam Tiro ao Álvaro”.)
     "Onde nasce o sol é o nacente, onde desce é o decente". (Indecente: o sol não nasceu pra todos.)
     Agora reparem no perigo: "Essa gente vota!!!"

domingo, 29 de julho de 2012

Facebook - O melhor da semana.













Palavras falam


     O designer Ji Lee usou diferentes tipos de tipografia para montar palavras como imagens. Ele é um colaborador freqüente do New York Times, cujo trabalho foi apresentado na ABC World News e Newsweek, Wired , o The Guardian , o The Huffington Post , e Boing Boing , entre outros. Ex-diretor criativo da Google, agora ele é um diretor criativo no Facebook.
     O Desafio foi criar uma imagem de uma palavra, usando apenas as letras da palavra em si. E a regra era usar somente os elementos gráficos das letras, sem acrescentar nenhum elemento de fora.
     Trata-se de descobrir a magia por trás das formas originais e possibilidades infinitas de letras e palavras.
     Ji Lee escreveu um livro que apresenta cerca de 100 imagens, além de dicas para ajudar você a criar o seu próprio.
     







Confira um vídeo e algumas das imagens criadas:



sábado, 28 de julho de 2012

Sobral ontem e hoje


Antigo Hotel Municipal de Sobral...


...depois Fórum Dr. José Sabóia e hoje encontra-se abandonado.

"COLETÂNEA DE DESPACHOS e outras decisões" AGORA DISPONÍVEL NA VERSÃO CD.


     O juiz sobralense PAULO MONT´ALVERNE FROTA,  titular da 3ª Vara do Trabalho de São Luís e Professor de Direito Processual do Trabalho da Escola da Magistratura do Trabalho da 16ª Região/MA, lançou agora a versão em CD de sua obra "COLETÂNEA DE DESPACHOS  E OUTRAS DECISÕES". A primeira edição da versão em livro esgotou.
     Trata-se de um manual de auxílio aos juízes  e aos servidores da Justiça do Trabalho, também muito útil aos advogados.
     Aludida obra foi inicialmente publicada em formato de livro, em 340 páginas, contendo 240 modelos de decisões, predominando, evidentemente, os despachos, porém trazendo ainda as mais corriqueiras decisões interlocutórias e sentenças prolatadas pelo juiz do trabalho e alguns artigos de sua autoria.
    Há desde o mais simples despacho à decisão complexa, a ser exarado na fase expropriatória do processo.
     A versão em CD permite a reprodução de todas as 240 decisões nela transcritas, podendo o usuário alterar o que achar conveniente ao seu estilo, sem qualquer complicação.
     Pedidos via email montalvernefrota@oi.com.br.
     Custo da obra, frete incluso, R$ 40,00.

As "pérolas" do ENEM 2011 - Parte 1



     "O Brasil não teve mulheres presidentes mas várias primeiras-damas foram do sexo feminino". (Ou seja: alguns ex-presidentes casaram-se com travestis.)
     "Vasilhas de luz refratória podem ser levadas ao forno de microondas sem queimar". (Alguém poderia traduzir?!)
     "O bem star dos abtantes da nossa cidade muito endepende do governo federal capixaba". Vende-se máquina de escrever faltando algumas letras.)
     "Animais vegetarianos comem animais não-vegetarianos". (Esse aí deve comer capim.)
   "Não cei se o presidente está melhorando as insdiferenças sociais ou promovendo o sarneamento dos pobres. Me pré-ocupa o avanço regresssivo da violência urbana". ("Sarneamento” deve ser o conjunto de medidas adotadas por Sarney no Maranhão. Quer dizer, eu “axo”, mas não me “pré-ocupo” muito.)
     "Fidel Castro liderou a revolução industrial de 1917, que criou o comunismo na Russia". (Não, besta, foi o avô dele.)
     "O Convento da Penha foi construído no céculo 16 mas só no céculo 17 foi levado definitivamente para o alto do morro". (Demorou o "céculo" inteiro pra fazer a mudança.)
     "A História se divide em 4: Antiga, Média, Momentânea e Futura, a mais estudada hoje". (Esqueceu a História em Quadrinhos.)
     "Os índios sacrificavam os filhos que nasciam mortos matando todos assim que nasciam". (Mas e se os índios não matassem os mortos????)
     "Bigamia era uma espécie de carroça dos gladiadores, puchada por dois cavalos". (Ou era uma "biga" macho que tinha duas "bigas" fêmeas, puxada por um burro?!)
     "No começo Vila Velha era muito atrazada mas com o tempo foi se sifilizando". (Deve ter sido no tempo em que lá chegaram as primeiras prostitutas.)
     "Os pagãos não gostavam quando Deus pregava suas dotrinas e tiveram a idéia de eliminá-lo da face do céu". (Como será que eles pretendiam fazer isso?!)
     "A capital da Argentina é Buenos Dias". (De dia. À noite chama-se Buenas Noches.)
     "A prinssipal função da raiz é se enterrar no chão". (E a "prinssipal" função do autor deveria ser a mesma. E ainda vivo...)
     "As aves tem na boca um dente chamado bico". (Cruz credo.)