Pin It button on image hover

O Blog do Bega

Sobral, onde a luz fez a curva.

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Ubuntu Phone terá a função “PC”

     Já pensou em “transformar” seu smartphone em um PC? A Microsoft já: na semana passada, a companhia contou que determinados aparelhos com Windows 10 terão uma função para esse fim. Mas a turma de Satya Nadella não está sozinha. Mark Shuttleworth, o chefão da Canonical, prometeu um modo equivalente no Ubuntu Phone.
     Na verdade, esse plano existe há quase dois anos. Em 2013, a Canonical fez uma campanha de crowdfunding para lançar o smartphone Ubuntu Edge. Um dos atrativos prometidos para o modelo era justamente uma “função PC”.
     Uma ideia realmente promissora. Se a promessa fosse cumprida, o usuário precisaria apenas conectar teclado e monitor ao Ubuntu Edge para, imediatamente, o sistema operacional do dispositivo se adaptar à tela maior e se comportar como o Ubuntu para desktop.
     Só que a companha não deu certo. Na ocasião, o Ubuntu Edge bateu recorde de arrecadação, quase US$ 13 milhões, mas precisava de US$ 32 milhões para sair do papel.
     Mesmo assim, o plano de lançar um Ubuntu para dispositivos móveis não foi descartado pela Canonical. Até a ideia do “modo PC” foi mantida. O problema é que a companhia não conseguiu tocar o projeto com a agilidade que o mercado espera.
     O primeiro smartphone baseado no Ubuntu Phone acabou saindo apenas neste ano – em fevereiro, para ser exato. Trata-se do Aquaris E4.5, da espanhola BQ. O modelo convive com algumas restrições: só está disponível na Europa, tem vendido pouco e, ainda por cima, não vem com a tal função de PC.
     Mas Shuttleworth acredita que o modo estará disponível no Ubuntu Phone ainda em 2015. No evento Ubuntu Online Summit, o executivo explicou que o ambiente gráfico Unity vem sendo preparado há algum tempo para trabalhar com telas de variados tamanhos e rodar aplicativos “convergentes”.
     Mark Shuttleworth afirmou ainda que a Canonical já está trabalhando com uma fabricante para colocar o primeiro smartphone com Ubuntu Phone e a função de PC no mercado. Ele só não disse que empresa é essa e quando, exatamente, o lançamento será feito.
     Apesar das incertezas (e de algum ceticismo do mercado), Shuttleworth se mostra confiante na ideia, tanto que, no evento, ele chegou a sugerir a desenvolvedores para já irem pensando em aplicativos convergentes.

Fonte: PCWorld, OMG, Ubuntu.
Postar um comentário