Pin It button on image hover

O Blog do Bega

Sobral, onde a luz fez a curva.

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Enquanto a vacina não vem, robôs serão os grandes inimigos do Ebola


     A empresa Xenex Disinfection pode ter a grande solução para combater a epidemia do Ebola: robôs que soltam raios UV.
     Já utilizados para matar outros tipos de vírus e bactérias em mais de 250 hospitais dos EUA, as máquinas utilizam luz ultravioleta para destruir o DNA dos organismos e impedir futuras infecções.
     “Mas como?”, você se pergunta. O segredo dos robôs está no tipo de UV utilizado. Ao contrário do Sol, que nos manda raios UV-A e UV-B, os andróides utilizam o UV-C, que não chega até nós graças ao que resta da Camada de Ozônio.
     Pelo UV-C ser incomum em nosso ambiente, germes não possuem mecanismos genéticos para lidar com ele – e aí está a vantagem da tecnologia. Ao pulsar a luz em um quarto por cinco minutos, o robô consegue danificar o DNA de vírus e bactérias, desabilitando seu patógeno e matando-os.
     De acordo com representantes da empresa, o U.S. Department of Defense e diversas organizações de saúde já estão negociando o envio de diversos andróides para a África. Além disso, empresas aéreas também devem começar a adotar o método.
     Enfim, uma luz no fim do túnel!
     Veja como os robôs funcionam:


Postar um comentário