Mulher encontra bomba da Segunda Guerra Mundial no jardim de casa

(Foto ilustrativa)
     Durante a Segunda Guerra Mundial, toneladas e toneladas de bombas foram despejadas dos aviões por boa parte da Europa, mas a Inglaterra em especial (Londres principalmente) levou uma quantidade enorme de explosivos na cabeça, cortesia dos krauts. Portanto não é raro vermos notícias de pessoas que vira e mexe encontram artefatos de mais de 70 anos enterrados, muitos ainda ativos. Foi o que aconteceu no pequeno vilarejo de Wittering, no condado de Cambridgeshire, que apesar de minúscula possui uma base da Real Forca Aérea e é conhecida como “a casa dos Harriers”. Mas o que chama a atenção foi o “procedimento de segurança” tomado pela mulher que achou o petardo.
     No caso ocorrido lá, uma senhora de 65 anos de idade chamada Carole Longhorn estava cuidando de seu jardim quando sua espátula atingiu alguma coisa metálica. Ao cavar encontrou um objeto com cerca de 11 cm de comprimento. Em dúvida sobre a origem do artefato, ela chamou pelo marido Clive, 60, mas como não obteve resposta, o desenterrou e levou para dentro de casa, para “ver mais de perto”, deixando-a em cima da mesa. A partir daí o marido conta:
     “Eu ouvi um barulho e quando fui verificar, a vi lavando a bomba na pia da cozinha. Você pode imaginar o que eu disse a ela.”
     Claro, a mulher tomou uma eficaz precaução acerca da bomba, ao ser alertada pelo cônjuge: colou uma cadeira de plástico sobre ela. Clive, ainda não convencido de que isso era o suficiente ligou para a polícia, que prontamente contatou a base da RAF na cidade. Em pouco tempo um esquadrão especializado chegou à casa e constatou que a bomba ainda estava ativa, e que eles tiveram muita sorte. Segundo os técnicos o artefato datava da Segunda Guerra e foi seguramente detonada para alívio dos Longhorn, que sentiram o impacto de sua casa.
     Por isso já sabem: quando encontrarem uma bomba antiga, tenham certeza de deixá-la bem limpinha antes de chamar o esquadrão antibomba. Afinal, ninguém gosta de bombas sujas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Uber entra em guerra contra seus concorrentes