Pin It button on image hover

O Blog do Bega

Sobral, onde a luz fez a curva.

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Prêmio Nobel de Medicina de 2014 vai para descobridores do “GPS” do cérebro


     O Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina de 2014 já tem donos: os cientistas John O’Keefe, May-Britt Moser e Edvard Moser, que descobriram o sistema de posicionamento interno do cérebro.
     A descoberta tinha como principal objetivo explicar como nosso cérebro consegue criar um mapa do ambiente que estamos e como conseguimos nos movimentar por esse complexo espaço, e teve início em 1971 quando O’Keefe descobriu o primeiro componente desse “GPS” — um tipo de célula nervosa que fica dentro do hipocampo.
     Ao analisar ratos, o cientista percebeu que algumas dessas células eram ativadas em certos lugares de um espaço, enquanto outras eram ativadas em outros lugares. O’Keefe conclui, então, que essas “células de local” formavam um mapa do ambiente.
     Três décadas depois, em 2005, o casal norueguês May-Britt e Edvard Moser identificou, também em ratos, outro tipo de célula nervosa na região do córtex entorrinal que gera um sistema de coordenação e permite um posicionamento e movimento mais precisos. A descoberta foi chamada de “célula de rede”.
     Posteriormente, o casal realizou estudos para demonstrar como esses dois tipos de células nervosas possibilitam que um ser vivo determine uma posição e se movimente por um ambiente.
     Além de responder as questões mencionadas, a pesquisa também ajudará pesquisadores a entender o que causa a perda de noção espacial em pacientes que sofreram um AVC ou têm algum tipo de doença que debilita o cérebro, como o Alzheimer.
     Os três cientistas receberam US$ 1,1 milhão e terão seus nomes para sempre lembrados.
Postar um comentário