Pin It button on image hover

O Blog do Bega

Sobral, onde a luz fez a curva.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Mulher teve bebê com útero transplantado


       Após ter o útero transplantado, uma mulher na Suécia gestou e deu à luz um pequeno menino. O bebê recebeu o nome de Vincent, que significa “para conquistar”. Vincent é o primeiro bebê do mundo a nascer de um útero transplantado. A operação em si só havia sido tentada outras duas vezes antes de janeiro, quando um médico sueco efetuou o mesmo procedimento em oito outras mulheres.
     O menino nasceu prematuro, mas saudável. A mãe, que preferiu permanecer anônima, descobriu quando tinha 15 anos que nasceu sem útero e nunca poderia ser mãe de forma natural.
     “Foi um sentimento fantástico, mesmo passando anos e anos triste e sem esperança, na primeira vez que vi meu bebê, me senti como uma mãe.”
     O útero transplantado veio de uma pessoa próxima da família que tinha 61 anos. O esperma e o óvulo vieram dos pais, que são muito mais jovens, e foram implantados cirurgicamente no útero para evitar problemas de fixação do óvulo.
     O nascimento de Vincent é um grande marco para medir o sucesso do transplante, uma vez que o órgão não deve ficar no corpo da paciente para sempre. Em vez disso, a ideia é que a mulher possa gestar uma ou duas crianças e então ter o órgão removido do corpo, impedindo a rejeição do útero doado e interrompendo o uso contínuo de imunossupressores, necessários para virtualmente todos os transplantados, o que deixa os pacientes muito suscetíveis a infecções. Então, o quanto antes a mulher transplantada tiver a família que deseja, melhor.
    É tão legal ver coisas como essa acontecendo e perceber que vivemos em um tempo em que a medicina pode não curar todos os males do corpo, mas pode tratar algumas almas aflitas.
Postar um comentário