Rede O3B lança satélites para internet mais acessível aos países subdesenvolvidos


     A rede O3b, que desenvolve uma forma de criar internet mais rápida e barata que as tecnologias atuais, enviou seus três primeiros satélites ao espaço na semana passada.
     O projeto deve atender 180 países do mundo, oferecendo internet barata para 3 bilhões de pessoas. O lançamento foi realizado na Guiana Francesa, e os quatro satélites embarcaram através de um foguete Soyuz nesta terça-feira.
     A empresa responsável pelo lançamento foi a Arianespace. Stephane Israel, presidente da companhia, fez uma transmissão ao vivo do lançamento dos satélites. O projeto O3b é uma abreviação de “Other 3 Billion” (outros três bilhões), que procura atender as pessoas ao redor do planeta que não possuem acesso a internet rápida, comum em países subdesenvolvidos.
     Para diminuir o custo de instalação e manutenção, o fundador da O3b Networks e criador do projeto Greg Wyler teve a ideia de lançar diversos pequenos satélites ao espaço, que funcionarão em sincronia para redistribuir o sinal. Com isso, uma simples antena parabólica poderia captar o sinal da internet redistribuindo em um sistema interno ao ser conectado a qualquer roteador.
     Projetos de internet rápida ou barata estão se tornando cada vez mais comuns. O Google, por exemplo, vêm trabalhando no Project Loon, criando balões que ficariam na estratosfera terrestre para redistribuir sinal livre pelo mundo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Uber entra em guerra contra seus concorrentes