Pin It button on image hover

O Blog do Bega

Sobral, onde a luz fez a curva.

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Drone ajuda a encontrar pilotos desaparecidos na Segunda Guerra Mundial


     "A Batalha de Peleliu foi uma das mais ferozes da Segunda Guerra: conhecida pelo codinome Operação Stalemate II, o objetivo era capturar uma pista de pouso controlada pelos Japones na minúscula ilha de que dá o nome à missão – hoje a minúscula República do Palau, país insular a 800 km de distância das Filipinas. O major-general William Rupertus acreditou que tomaria a pista em quatro dias, entretanto os aliados deram de cara com uma forte defesa dos nipônicos, o que fez a batalha se arrastar por dois meses, de setembro a novembro de 1944. Muitos aviões americanos e japoneses foram derrubados, e seus pilotos, perdidos.
     Corta para 2013. O dr. Pat Scannon passou os últimos 20 anos fazendo viagens anuais a Palau onde realiza buscas dos aviões afundados. Checando registros antigos e entrevistando os moradores, ele já localizou 60 aeronaves, metade japonesas. Agora Scannon, que é fundador do BentProp Project está utilizando um drone para ajudar em seu trabalho.
     Scannon conta que no ano passado pescadores locais entraram em contato com ele e disseram ter encontrado algo incrível: um avião intacto. Através de fotos enviadas a ele identificaram o avião como sendo um Vought F4U Corsair, um avião americano que possuía curiosas asas dobráveis. Eles alcançaram o avião munidos de um UAV drone chamado Remus que, apesar de já ser utilizado há alguns anos, ele agora recebeu o reforço de uma GoPro HERO 3, capaz de capturar vídeos em 4k. O drone faz a varredura do objeto, o que permitirá à equipe do dr Scannon criar uma reconstrução 3D do avião, utilizando também as inúmeras fotos tiradas pelos mergulhadores.



     A principal missão da BentProp é localizar não só os aviões, mas também os corpos dos pilotos que nunca foram recuperados e que oficialmente ainda possuem os status de PoW/MiA. Dito isso o maior desafio é encontrar o último B-24 Liberator dos quatro que foram abatidos em Palau. Dois foram descobertos depois da Guerra, e o terceiro foi encontrado pela equipe de Scannon. Nesse último, seus oito tripulantes (três deles conseguiram saltar de paraquedas, mas foram capturados e executados) foram identificados, repatriados e enterrados em Arlington.
     O B-24 contava com uma equipe de até 11 tripulantes, e a queda de um dos que foram abatidos na Batalha foi registrada em vídeo:


      Apesar do foco nos aviões americanos, a equipe encontrou também aeronaves japonesas curiosas, como o raro  Kawanishi E15K Shiun, um hidroavião cujo grande flutuador central poderia ser alijado em caso de emergência, e os laterais também eram escamoteáveis. Apenas 15 foram produzidos.
   A missão da BentProp ainda está longe de terminar, mas é muito legal ver o que conseguiram até agora, além de resgatar um pedaço da história que jaz no fundo do mar."

Fonte: PopSci.
Postar um comentário