Insônia - Contar Carneirinhos Resolve?


    A insônia não se caracteriza só pela dificuldade de dormir, mas também significa despertar durante o sono; ou conseguir dormir e acordar com uma sensação de não ter dormido o suficiente. De acordo com Sueli Rossini, a insônia tem sido um dos maiores problemas de sono do mundo todo, perdendo apenas para a privação deste.
        A desculpa de ver TV para dar aquele cochilo não é válida. A televisão precisa ser desligada pelo menos meia hora antes de irmos para cama, já que o aparelho apresenta o inconveniente da luminosidade, atrapalhando na secreção da melatonina, hormônio principal na fisiologia do sono. Pesquisas alertam que ficar navegando na internet até altas horas, comportamento comum entre os jovens, também é prejudicial.       Segundo o Instituto do Sono, o tratamento eficaz da insônia consiste no diagnóstico correto. É preciso detectar a causa para que sejam tomadas medidas psicológicas e medicamentosas corretas, considerando-se os hábitos de vida do paciente. O médico, juntamente com psicólogos e assistentes sociais, pode abordar situações que gerem ansiedade, depressão, conflitos familiares e profissionais. Assim, podem orientar as pessoas que sofrem de insônia a reconhecerem seus próprios sintomas. Por mais que não pareça, a insônia não é apenas problema do homem moderno: antes da lâmpada elétrica é certo que dormíamos melhor, mas distúrbios relativos ao sono sempre existiram.        É só lembrar do o famoso “contar carneirinhos”, recurso bem antigo para pegar no sono. Porém os carneiros – e suas variações – parecem não ser eficazes de acordo com a Universidade de Oxford. Considerando a intensa particularidade da ação de adormecer, o que se pode afirmar é que este é só mais um artifício usado, assim como o de imaginar cenas relaxantes , para “distrair” as pessoas de seus próprios

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Barbie Advogada

Geneticistas israelenses criam galinhas sem penas