Comunicação automática entre carros


    Os Estados Unidos estão prestes a iniciar o maior teste já realizado no mundo de comunicação automática entre veículos. Segundo o site PopSci, o Departamento de Transportes norte-americano (DOT) concedeu US$ 14,9 milhões para o instituto de pesquisas da Universidade de Michigan equipar 3 mil carros com rádios de curto alcance nos próximos dois anos. Os testes ocorrerão na estrada Ann Arbor.

    Para se comunicarem entre si e com equipamentos de tráfego instalados na rodovia, os veículos serão equipados com rádios de curto alcance, os quais vai difundir informações sobre localização geográfica, velocidade e coordenadas de deslocamento para os outros carros na estrada.

    O objetivo é que os carros compartilhem informações, de forma automática, para evitar acidentes. Segundo dados do DOT, 80% das colisões mais graves podem ser evitadas com a ajuda de tecnologias que permitam identificar a localização e a velocidade de veículos próximos.

    Oito montadoras estão participando dos testes, sendo que algumas delas começaram a trabalhar na criação de uma plataforma de comunicação entre carros há uma década. Quanto aos motoristas que dirigirão os veículos durante os testes, eles serão selecionados entre os 20 mil funcionários que trabalham no centro médico da Universidade de Michigan.

    Os testes devem gerar dados durante um ano para que, após esse período, o Departamento de Transportes decida se deve ou não aprovar a tecnologia. Caso a resposta seja positiva, a previsão é de que a comunicação entre veículos se torne comum em apenas dez anos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Barbie Advogada

Geneticistas israelenses criam galinhas sem penas